Verniz UV

DÚVIDAS FREQUENTES – Verniz UV

QUEBRA

Não recomendamos o uso de dobra, corte/vinco em área de verniz UV aplicado em processo de serigrafia com lineatura de tela inferior a 120 linhas.

  • Alta camada de verniz
  • Verniz com baixa flexibilidade
  • Suporte muito seco
  • Excesso de potência das lâmpadas
  • Para abertura da canaleta, deixar a espessura total do impresso (Suporte+tinta+verniz) + metade da espessura do suporte + 0,7 (Padrão)
  • Para a altura da canaleta, use como referência a espessura do impresso (Suporte+tinta+verniz)
  • Consulte fornecedor da canaleta sobre o melhor material para seu segmento/serviço
  • Deixar lâminas do vinco menor que a de corte (Diferença = suporte+tinta+verniz)
  • Utilizar lâminas com fio de corte adequado e de boa qualidade
  • Utilizar lâminas de corte/vinco com boa durabilidade (Tipo de material) e trocar após limite estabelecido pelo fabricante
  • Ajustar o mínimo de pressão necessária para o corte
  • Solicitar para empresa que faz afiação na faca da guilhotina, para passar o último movimento do rebolo na direção de descida da faca

 

ADERÊNCIA

Sobre a tinta

  • Tinta com muito aditivo de superfície
  • Tinta ainda úmida
  • Muito pó sobre o serviço
  • Solução de molhagem com muito ou qualidade ruim de glicóis e glicerinas
  • Lâmpadas com baixa potência (Verificar voltagem, amperes do sistema)
  • Lâmpadas com hora/uso acima do recomendado (Após 1000h lâmpadas perdem cerca de 50% da potência)

Sobre o BOPP

  • Tensão superficial do filme abaixo de 38 dynas/cm2
  • Filme mal estocado (Estocar em local adequado por no máximo 90 dias)
  • Filme vencido (Após 90 dias ou antes, se mal estocado, filme perde a tensão superficial)
  • Filme com variação de espessura
  • Verniz com baixa aderência para BOPP
  • Lâmpadas com baixa potência (Verificar voltagem, amperes do sistema)
  • Lâmpadas com hora/uso acima do recomendado (Após 1000h lâmpadas perdem cerca de 50% da potência)

 

ALASTRAMENTO / NIVELAMENTO

  • Tinta com muito aditivo de superfície
  • Laminação com variação de espessura e/ou tensão superficial abaixo de 38 dynas/cm2
  • Papel muito absorvente
  • Papel com muito pó sobre a superfície (Pó de fabrica)
  • Excesso de pó anti maculante (Para verniz UV off line)
  • Rápida velocidade da máquina (On line) ou esteira (Of line)
  • Esteira menor que 2 metros (Utilizar verniz de menor viscosidade)
  • Alta carga de verniz
  • Verniz com elevada viscosidade para o sistema de aplicação

 

SECAGEM DEFICIENTE

  • Rápida velocidade da máquina (On line) ou esteira (Of line)
  • Alta carga de verniz
  • Verniz com elevada viscosidade para o sistema de aplicação
  • Lâmpadas com dose e intensidade inadequada (Verificar voltagem e amperagem do sistema)
  • Sistema de refrigeração do sistema com problemas
  • Lâmpadas com hora/uso acima do recomendado (Após 1000h lâmpadas perdem cerca de 50% da potência)
  • Após 500 horas de uso, girar a lâmpada em 180˚, porém utilizar um pano para fazer isso (Jamais toque nas lâmpadas)
  • Lâmpadas sujas
  • Verniz com pouco fotoiniciador
  • Refletores sujos e/ou ranhurados
  • Refletores com angulação inadequada
  • Distância entre lâmpada e suporte muito grande

 

BAIXO BRILHO

  • Pouca camada de verniz
  • Suporte muito absorvente (Utilizar verniz de alta viscosidade)
  • Verniz com baixa viscosidade
  • Verniz curado parcialmente
  • Excesso de pó anti maculante (Off line)

 

DESLIZAMENTO

  • Suporte muito irregular e absorvente
  • Formulação de verniz inadequada
  • Baixa camada de verniz
  • Verniz curado parcialmente

 

ESPUMAS

  • Má formulação do verniz
  • Excesso de pressão no bombeamento do verniz
  • Excesso de pressão dos bastonetes sobre a tela (Processo serigráfico) ocasionando bolhas no verniz aplicado
  • Camada sensível da tela (Serigrafia) aplicada de forma muito irregular

 

AMARELAMENTO

  • Excesso de penetração do verniz no suporte, no caso de suporte muito absorvente (Amarela devido tingimento das fibras)
  • Alta potencia das lâmpadas
  • Utilização de mais uma lâmpada sem necessidade
  • Baixa velocidade de máquina (On line) ou esteira (Off line)

 

Recomendações gerais

Deixar o verniz sempre na embalagem fornecida e sempre fechada quando não utilizada. Estocar em ambiente adequado e se atentar a data de validade do produto. Sempre agitar o galão de verniz antes do uso e sempre pedir o boletim técnico do produto e a FISPQ para melhores informações sobre o produto.

Nossos vernizes são low odor mas a maioria dos vernizes UV disponíveis no mercado não são recomendados para uso em embalagem primária e somente pode ser aplicado em embalagem secundária caso a primária tenha efeito total de barreira (Vidro ou alumínio acima de 14µ); caso contrário consulte sobre verniz UV low migration.